Início Pontos Turísticos Catedral Metropolitana de Maceió: a história de Maceió contada em cada uma...

Catedral Metropolitana de Maceió: a história de Maceió contada em cada uma das obras de arte!

3804
0
COMPARTILHAR

Maceió tem muito a oferecer aos seus visitantes, incluindo os seus edifícios belos e históricos como a Catedral Metropolitana de Maceió, ou a Biblioteca Pública Estadual de Alagoas. Aliás, visitando uma, aproveite para visitar a outra, pois elas ficam bem perto.

Depois de ler este artigo aproveite para ler também:

Catedral Metropolitana de Maceió
Fonte da imagem: www.expedia.com.br

Sobre a Catedral Metropolitana de Maceió

A Catedral Metropolitana de Maceió é também conhecida por Catedral Nossa Senhora dos Prazeres, a padroeira da cidade. A primeira pedra foi colocada em 1821, e por isso conta com uma história de quase 200 anos.

O altar-mor foi todo ele feito em cedro, e a catedral conta com mais dois altares laterais – o altar de São Sebastião e o altar de São Miguel.

Ela foi planejada por Auguste Montigny, um arquiteto francês, e foi inaugurada ao público a 20 de dezembro de 1859, contando com a presença do rei D. Pedro II e de Tereza Cristina, sua esposa. Na altura foi o Visitador Diocesano Côn. Afonso de Albuquerque que procedeu à bênção do edifício.

Onze dias depois o Visitador volta para benzer a nova imagem da Nossa Senhora dos Prazeres, depois da Missa solene. Esta escultura foi oferecida pelo Barão de Atalaia.

Durante a tarde de 31, D. Pedro II faz a transposição dos umbrais do templo, ao mesmo tempo em que é entoado o hino de ação de graças.

Na inauguração da nova Matriz, o pároco de Maceió era Côn. João Barbosa Cordeiro, pároco esse que depois deu o nome à maior obra de assistência hospitalar da capital, o qual foi idealizador e fundador em 1851 – Hospital de Caridade e posteriormente Santa Casa da Misericórdia.

No entanto, só em 1900 é que a Igreja se tornou catedral metropolitana, tendo sido uma decisão tomada pelo Papa Leão XIII, pelo Decreto de 02/07, onde se criava a Diocese de Alagoas. Foi aí também que a Catedral Matriz de Maceió foi instituída sede episcopal.

Em termos arquitetônicos, a Catedral Metropolitana de Maceió reúne características neoclássicas e modernas – indo do frontão irregular ao altar em alvenaria.

Onde fica a Catedral Metropolitana de Maceió

A catedral metropolitana fica situada no centro de Maceió, na Praça Dom Pedro II.

Como chegar na Catedral Metropolitana de Maceió

Partindo do litoral de Maceió, deverá seguir pela Avenida da paz até chegar à Rua do imperador, seguindo sempre até chegar à Praça, encontrando a catedral do seu lado direito.

Partindo de Pitanguinha, o acesso é feito pela AL-104, e depois saindo para a Avenida Moreira e Silva. Depois deverá descer a Rua do Comércio até à Praça.

Partindo de Ponta Grossa, o caminho é feito pela Avenida Senador Rui Palmeira até chegar à Avenida Silvestre Péricles de Goés Monteiro até à praça.

No caso de partir do lado contrário a Ponta Grossa, siga pela Avenida Comendador Gustavo Paiva, seguindo pela Rua Comendador Calaça e depois pela Rua Barão de Atalaia até chegar ao seu destino.

O que fazer na Catedral Metropolitana de Maceió

A Catedral Metropolitana de Maceió é uma obra arquitetônica que vale muito a pena visitar. O seu charme fica marcado pela nave, que conta com belas colunas, juntamente com cancelas de madeira, dois púlpitos com dossel, os dois decorados com filetes de ouro, e cancelas de madeira.

A obra do Santíssimo Sacramento é uma das imagens mais belas que pode ver na Catedral. Majestosa, vai deixar todos os seus visitantes deslumbrados.

Se estiver de visita a Maceió, a visita à catedral metropolitana de Maceió é indispensável. É de uma beleza incrível, e a história dessa catedral conta a história da cidade, pedra por pedra. Por isso mesmo não deixe de entrar e tirar várias fotos para guardar na memória, para sempre, cada pedacinho desta cidade inesquecível!

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO: